Skip to toolbar
Notícias

COMO O CORONA VÍRUS ESTÁ DESESTABILIZANDO A AUSTRÁLIA

A China é o maior parceiro comercial da Austrália e faz parte da cadeia de suprimentos de todos os produtos de consumo no país. Dados do Australian Bureau of Statistics mostraram que o país exportou 13,89 bilhões de dólares australianos em mercadorias para China em Dezembro de 2019, representando cerca de 34% do total de exportações do mês.

Após a proibição de estrangeiros não residentes entrarem da China na Austrália, o governo diminuiu algumas de suas restrições, abrindo caminho para o retorno de alguns estudantes já que os estudantes chineses representam 0,6% do produto interno bruto da Austrália. As principais universidades australianas podem enfrentar riscos de crédito mais imediatos pois os estudantes chineses representam cerca de 60%.

Nos últimos 12 meses encerrados em Setembro de 2019, a Austráia recebeu cerca de 8,66 milhões de visitantes segundo o Australian Bureau of Statistics. Entre eles, 1,33 milhões eram da China e representavam 27% dos AUD 45 bilhões de gastos no país em suas viagens.

Nas últimas semanas a corrida por suprimentos nos supermercados levou a população à loucura. Tudo começou com o hand sanitazer (álcool gel), passando pela comida enlatada, macarrão e arroz até papel higiênico. O supermercados tiveram que limitar o número de cada um destes produtos por pessoa. O desespero por papel higiênico virou piada pelo país e até motivo de briga nos supermercados.

@melbourneiloveyou
@ausideia
@pedrocuz

O medo dos australianos é de que o governo anuncie o fechamento de estabelecimentos por conta do vírus. Confira a situação do Corona Vírus em tempo real através deste site: https://www.worldometers.info/coronavirus/

Nos aeroportos, todos os passageiros estão passando pela checagem de temperatura e os viajantes vindos da China, Irã, Japão, Singapura, Coréia do Sul e Malasia estão ficando em quarentena.

As autoridades recomendam manter as mãos higienizadas, evitar lugares fechados e evitar o contato próximo com pessoas que estiveram nos países acima até 14 dias a volta à Austrália.

Show More

Priscila

Fundadora e CEO do Oi Austrália. Realizou o sonho de morar fora do Brasil em 2014 , quando veio para Austrália. Adora se comunicar e ficar ligada em tudo que acontece. Essa curitibana é mãe do Benjamin e apaixonada por desafios e gastronomia.

Artigos Relacionados

Back to top button
Close
Close